A tarde - Rádio FM Onda Digital

DISQUE DENÚNCIA

92 98435-7108

30.3 C
Manaus
quarta-feira, 06/07/2022

DISQUE DENÚNCIA

- Publicidade -
Rádio Web Falando de Contas

Pesquisa Datafolha: Bolsonaro tem curta vantagem na preferência do eleitorado evangélico

- Publicidade -

Tradicionais aliados do presidente Jair Bolsonaro, os evangélicos estão divididos na corrida eleitoral de 2022, mostra pesquisa Datafolha publicada pela “Folha de S.Paulo” nesta sexta-feira (26).

- Publicidade -
Gráfica Xpress

Na simulação do primeiro turno, 39% dos autodeclarados evangélicos disseram que votariam em Bolsonaro, e 36% em Lula. Numa eventual concorrência entre os dois principais candidatos no segundo turno, 47% afirmaram que vão votar no presidente atual, enquanto 45% disseram que vão votar no ex-presidente.


Leia mais:

A pesquisa também mostra divisão na rejeição aos pré-candidatos: 40% dos evangélicos dizem que não votariam em Bolsonaro no primeiro turno, e 46% não votariam em Lula.

O Datafolha entrevistou 2.556 pessoas em 181 cidades, na quarta-feira (25) e quinta (26). A margem de erro é de quatro pontos percentuais, para mais ou menos, se levado em conta apenas o recorte evangélico. De acordo com o instituto, os evangélicos compõem 27% do eleitorado religioso brasileiro. O maior bloco é o católico: 50%.

Via g1

Deixe seu comentário
- Publicidade -

Acompanhe nossas redes sociais

Daniel Amorim
Daniel Amorim
Jornalista e escritor, formado em Comunicação Social pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam). Desde 2005 atuou como assessor de imprensa, repórter e editor em veículos impressos como O Estado do Amazonas, A Crítica e Amazonas Em Tempo. É repórter do Política do portal Fiscaliza Amazonas.